Igreja Episcopal Anglicana do Brasil . Diocese meridional
 
 
home eventos
notícias
 
 

Apresentação de Natal . Paróquia da Ascensão

Dia 25 de dezembro de 2008, Jesus menino nasceu em uma praça da capital gaúcha. O telejornal da manhã do dia seguinte noticiou esse nascimento em situação precária depois de Maria, sua mãe, ter sido recusada em um posto de saúde. Esse foi o tema da apresentação de natal da Paróquia da Ascensão da Igreja Episcopal Anglicana do Brasil. A encenação que movimentou a turma de catequese, o grupo de jovens e grande parte dos paroquianos foi apresentada durante a missa de natal, no último dia 25. A adaptação, trouxe para os dias atuais as mazelas que Maria e José enfrentariam se o nascimento de Jesus fosse hoje. Utilizando-se de recursos audiovisuais, a apresentação movimentou os envolvidos durante os últimos dois meses, com ensaios, figurino e construção de cenário. A comunidade do Bairro Teresópolis compareceu em grande número, somando-se aos paroquianos para compor a maior audiência de 2008 na paróquia da Ascensão.

O elenco:
Maria | Juliana De La Favera
José | Nelson Brum Neto
Jesus Menino | Rita Maiara Mendes Lopes
Narradora | Thanize Pinto
Apresentadora do Telejornal | Giovana Santos da Silva
Apresentadora do Telejornal | Thamires Lima
Atendente da Emergência | Pámela Lopes de Freitas
Rei Mago (ouro) | Gabriel Ribeiro
Rei Mago (ouro) | Robson Lopes de Freitas
Rei Mago (incenso) | Luisa Brum
Rei Mago (incenso) | Vitória Ribeiro
Rei Mago (Mirra) | Gabriele Ribeiro
Rei Mago (Mirra) | Maynara Nunes Tavares
Rei Mago (Mirra) | Bibiana Castro Muller
Mensagem de Natal | Giovana Santos da Silva
Mensagem de Natal | Maynara Nunes Tavares

Equipe Técnica:
Script | Nelson Brum
Cenários | Nelson Brum
Coordenadora de Elenco | Giovana Santos da Silva
Coordenadora de CatequesevAdriana Lopes Reston
Coordenador Geral | Pe Enrique Illarze
Equipe de Apoio  | José Giovani da Silva
Equipe de Apoio | Ângela Catia Fonseca De La Favera
Equipe de Apoio | Regina Brum
Equipe de Apoio  | Luiz Nelson Brum

 

 

Videos da Re-dedicação da Catedral da Santíssima Trindade

[ voltar ]

Re-dedicação da Catedral da Santíssima Trindade

A história da Catedral Anglicana em Porto Alegre está intimamente ligada à história dos primórdios da IEAB: No dia 1º de junho de 1890 foi Celebrado pelos Reverendos Morris e Kinsolving o Primeiro Culto da Igreja Episcopal em Porto Alegre. Quase oito anos e meio depois, no dia 28 de outubro de 1898, 2 das comunidades que haviam surgido do trabalho missionário em Porto Alegre resolveram se fundir, eram as Capelas da Trindade e do Bom Pastor, e passaram a assumir o nome de Egreja da Trindade.
No dia 05 de Julho de 1900 foi assinada a escritura do terreno à rua dos Andradas, destinado à futura construção da Egreja da Trindade. Preço pago pelo imóvel: 33 contos de reis. E no dia 27 de outubro do mesmo ano foi o lançamento de sua pedra fundamental. Num período de 3 anos o Templo foi totalmente construído e em 10 de maio de 1903 aconteceu a Solene Celebração de Consagração. Em 1º de junho de 1920 foi reconhecida a sua emancipação financeira e em 31 de dezembro de 1949 a, então, Egreja da Trindade foi elevada à categoria de Catedral, sob o nome de Catedral da Santíssima Trindade tornando-se a sede da Diocese Meridional. Os mais de 105 anos de uso constante deixaram bastante danificadas as estruturas do prédio, exigindo que se fizesse uma minuciosa Restauração.
Localizada na Rua dos Andradas, em pleno coração da Capital gaúcha, fazendo parte do Centro Histórico e também do Corredor Cultural da Cidade, a edificação é tombada pelo Patrimônio Histórico Municipal desde 1981. Para que o Templo recuperasse as suas formas originais uma equipe de especialistas estudou em detalhes a história e as características do prédio, marcado por elementos arquitetônicos neogóticos. Depois de 11 meses em obras, a fachada, a cobertura, os arcos de madeira aparente que sustentam o telhado recuperaram sua forma original. Também o retábulo de madeira, o mobiliário e as paredes internas do Templo, que estava fechado desde março, foram parcialmente recuperados. A recuperação foi viabilizada pelo Programa Monumenta, do Ministério da Cultura, em parceria com a prefeitura municipal de Porto Alegre e a própria Catedral. Foram investidos mais de R$ 264 mil nos trabalhos de restauração.
O Domingo 14 de dezembro de 2008 foi um dia que ficará marcado nos anais da história desta comunidade centenária, nele aconteceram às festividades em comemoração pela re-inauguração do Templo. Os festejos começaram às 10h com a Celebração de Re-dedicação e Ministração do Rito da Confirmação, que contou com a presença de várias autoridades eclesiásticas e civis, entre elas o Bispo Diocesano D. Orlando, o Secretário Geral da IEAB Revdo. Francisco, o Revdo Caio Lacerda, a Superintendente Regional do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, arq. Ana Meira, além de uma congregação de mais de 350 pessoas com representações de várias paróquias da Diocese. Seguiu-se a Celebração um Ato Público de entrega da Obra de Restauração, estando presentes o prefeito de Porto Alegre – José Alberto Fogaça de Medeiros; a representante do Programa Monumenta/IPHAN/MINC e Superintendente Regional do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional, arq. Ana Meira, a Representante Regional do Ministério da Cultura, Rosane Maria Dalsasso, a Coordenadora do Projeto Monumenta de Porto Alegre arq. Briane Bicca e o Secretário Municipal da Cultura, Sergius Antônio Gonzaga, também prestigiaram o ato membros do Grupo de Diálogo Inter-Religioso de Porto Alegre, um representante do Arcebispo Metropolitano de Porto Alegre e representantes de entidades ecumênicas, além de uma numerosa platéia. Logo após houve um almoço festivo no Salão paroquial, e durante toda a tarde a Catedral esteve aberta à visitação pública – havia em seu interior uma belíssima exposição contendo a história da Igreja desde os seus primórdios até os dias atuais – a ornamentação era composta de magníficos arranjos florais, banners contendo fotos e dados históricos década a década, e objetos significativos como livros de atas e de registros, paramentos, e outros utensílios dos tempos dos pioneiros da IEAB; nas laterais externa da Igreja foi servido um delicioso chá. Este dia memorável foi encerrado com um belíssimo concerto musical do Coro de Câmara Ars Vocalis.
O 3º Domingo do Advento, 14 de dezembro de 2008, foi um dia de muita emoção para a Congregação da Catedral da Santíssima Trindade, todos recordamos que a fé e a dedicação de muitos homens e mulheres nos possibilitaram receber como legado este patrimônio arquitetônico e religioso, e que a nós atuais membros da Igreja cabe a tarefa de fazê-lo alcançar as gerações futuras. Elevou à Deus nossas Ações de Graças e nossas preces pedindo para que sejamos dignos daqueles que nos precederam.

Revda. Marinez Bassotto

Catedral anglicana volta às suas formas originais...

Confira a matéria completa publicada no Jornal Zero Hora do dia 12 de dezembro de 2008. clique aqui

[ voltar ]

 

 
Encontro Inter-paroquial na Serra Gaúcha

Dia 13 de dezembro, as Paróquias da Bênção Divina, Virgem Maria e a Missão de São Pedro confraternizaram. O encontro aconteceu em Canela/RS iniciando com uma celebração eucarística presidida pelo Rev. Hermes Sotelo, pároco da Paróquia da Bênção Divina de São Francisco de Paula/RS. A meditação ficou por conta do post. Josué Flores da Paróquia da Virgem Maria de Caxias do Sul/RS. Após a celebração, os participantes puderam presentear-se e expressar a gratidão a Deus pela missão de Deus confiada a nós na Serra Gaúcha e também articular já o próximo encontro no Advento em 2009 na cidade de Caxias do Sul sob a hospitalidade da Paróquia da Virgem Maria. Após o momento litúrgico, os participantes puderam participar de um delicioso chá beneficente organizado pela Missão de São Pedro. Que Deus abençoe a caminhada do povo de Deus na Serra Gaúcha.

post. Josué Soares Flores

[ voltar ]

 

Bispo Diocesano eleito Presidente CONIC/RS

Em assembléia Geral do Conselho Nacional de Igrejas Cristãs – Rio Grande do Sul, ocorrida em Porto Alegre/RS, no dia 25 de novembro, o bispo Diocesano D. Orlando S. de Oliveira foi eleito seu Presidente para o biênio 2009/10. A assembléia contou com representantes das Igrejas membro, IECLB, Católica, Presbiteriana e IEAB. Também os organismos ecumênicos Centro Ecumênico de Estudos Bíblicos (CEBI), Serviço Inter-confessional de Aconselhamento (SICA) e do Movimento Focolares, bem assim como a Diretoria atual e convidados.
Na ocasião foram ouvidos os relatórios da Presidência, o da Tesouraria e das atividades do biênio que termina. A Diretoria eleita ficou assim constituída: Presidente - D. Orlando S. de Oliveira (IEAB), Vice – D. Remidio Bohn (ICAR), Secretário – Pr. Ervino Schmidt (IECLB), Tesoureira - Pr. Sonia Mota (Presbiteriana); Vogais - Srta. Beatriz Simões (Focolares), Erni Musskopf (SICA), Edson Costa (CEBI).

Pela Secretaria do CONIC-RS

[ voltar ]

 

Santo Batismo na Festa do Cristo Rei na Paróquia da Virgem Maria

Dia 23 de novembro, na ocasião da visita de D. Prado à Paróquia da Virgem Maria em Caxias do Sul/RS, foi celebrado o Santo Batismo da pequena Luisa Dora, filha do jovem casal Daniela e Marcos. O santo Batismo foi ministrado depois de uma série de quatro encontros da Pastoral do Santo Batismo, que reúne os pais, avós e padrinhos. Estes momentos tem sido de importante crescimento no que tange a Educação Cristã e os laços de relacionamento com a comunidade. O santo batismo faz todo sentido naquela data especial, pois é nele que recebemos o crisma batismal com o santo óleo, lembrança de que somos filhos e filhas do Rei, e que participamos de seu reinado de justiça e fraternidade. Desejamos que o Cristo, Senhor do Universo repouse sua bênção sobre a vida da pequena Luisa Dora. Na ocasião também foram entregues às caixas azuis da Oferta Unida de Gratidão.

Paula Kazue Suzuki

[ voltar ]

 

Encontro de coros na Serra Gaúcha

A trigésima edição do Encontro de Coros Anglicanos, da Diocese Meridional, aconteceu nos dias 22 e 23 de novembro, na Paróquia da Benção Divina, em São Francisco de Paula/RS. A programação iniciou no sábado à tarde com um saboroso café oferecido pela UMEAB local. À noite, mais de 200 pessoas prestigiaram o recital, que aconteceu na Sociedade Cruzeiro, com a participação de 4 grupos vocais e 4 coros. O grupo vocal Família Schuch abriu o recital, seguido pelo Coral Municipal (foto), ambos de São Francisco de Paula, Coral do Redentor, Grupo Em Canto e Vocal Brígido de Oliveira, de Porto Alegre, Grupo Apocalipse, de Novo Hamburgo, Coral São Lucas, de Canoas e Coro Esperança, de Nova Santa Rita. No final, os coralistas formaram o Grande Coral e cantaram juntos a música "Glória e Louvor”, sob a regência da maestrina Claudia Elisiane Ferreira dos Santos. Foram momentos de muita emoção, louvor e adoração. A noite festiva encerrou-se com um coquetel de confraternização de todos os coralistas. No domingo pela manhã, os corais participaram da celebração eucarística da Paróquia. O encerramento foi com um almoço no CTG da cidade. Na reunião de regentes foi definida como próxima anfitriã a Paróquia do Calvário, de Nova Santa Rita. O evento foi prestigiado pelos Revdos. Hermes Daniel Sotelo (anfitrião), Jorge Alberto da Rosa, Carlos Hallberg, Caio Marcio Lacerda, Leane Rachel de Almeida e pela comunidade serrana.

Gilnei de Oliveira
Coral São Lucas

[ voltar ]

 

“No teatro da vida, ajuda-nos a atuar, ó Jesus, conforme a tua vontade”.

Sob este tema muito inspirador, cerca de 30 jovens representando as seguintes paróquias da Diocese Meridional: Paróquia da Ascensão, Bênção Divina, Calvário, Espírito Santo, Graça Divina, São Mateus, São Lucas, Todos os Santos e Trindade, se reuniram em retiro nos dias 15 e 16 de novembro no Recanto das Araucárias, Lomba Grande.
Durante os dois dias, tivemos a oportunidade de trabalhar o Advento e o Natal numa perspectiva jovem, fazendo teatro, confeccionando máscaras e conversando abertamente sobre o tema.
No dia 15 de novembro, tivemos a companhia e assessoria muito animadora do amigo de caminhada ecumênica José Luiz Possato Junior, católico romano e representante do CEBI/RS. Zé Luiz nos incentivou a criar peças teatrais inspiradas em textos bíblicos que contam a história da chegada e nascimento de Jesus, contextualizando-as para nossa realidade.
À noite desse mesmo dia, fomos agraciados com a apresentação do grupo “Canta Lomba”, projeto local que reúne jovens – filhos de pequenos agricultores e estudantes de escolas públicas – com talento musical inigualável e que emocionaram a todos com sua belíssima performance.
No dia 16 de novembro, o Rev. Humberto nos conduziu numa reflexão sobre as “máscaras” que usamos e tudo aquilo que nos impede de sermos verdadeiramente nós mesmos e libertadoramente felizes. Todos os participantes confeccionaram máscaras muito bonitas e criativas e tiveram a oportunidade de mostrá-las aos demais e explicar sobre elas e o que estas lhes representam.
A celebração de encerramento foi marcada pela música alegre e a atmosfera de amizade e carinho entre todos os participante.
Não podemos nos esquecer do afeto e da hospitalidade daqueles que cuidaram de nós durante este final de semana, alimentando-nos com saborosas refeições, sucos refrescantes e nos oferecendo tudo que nos fosse preciso para aconchego, segurança e bom desempenho do programa.
A diversão e a conversa nos acompanharam no caminho de volta dentro do ônibus e a despedida foi feita com promessas de até logo.
A UJAB continua sua caminhada com firmeza, dedicação e muito entusiasmo. Como a mensagem que o assessor Zé Luiz trazia em sua camiseta: “Não temos um novo caminho, mas um jeito novo de caminhar”.

Mª Cláudia Gastal Ramos
Pastoral da Juventude

[ voltar ]

 

Encontro de Fortalecimento do Casal

No dia 15 de novembro de 2008, na Paróquia do Calvário em Nova Santa Rita aconteceu o segundo encontro inter paroquial de fortalecimento do casal. Participaram 28 casais. Com o auxílio de data show a Revda. Leane Rachel Kurtz de Almeida e o Rev. Caio Márcio Álvares Lacerda fizeram a exposição do tema: As Quatro Estações do Casamento e Sete Estratégias Para Melhorar a Qualidade do Relacionamento Conjugal, usando como referência principal o livro de Gary Chapman, “As Quatro Estações do Casamento”.
Os casais tiveram oportunidade de avaliar a estação em que se encontram e foram desafiados a colocarem em prática as estratégias para arrancar as “ervas daninhas” que insistem em crescer no seu “jardim”, sufocando o amor que um dia uniu os dois, e a desenvolverem o Amor Emocional, esforçando-se para encherem o “tanque de amor” um do outro.
Foi usado como recurso também a música popular brasileira, das quais foram destacadas as seguintes frases: “O Amor é Sagrado e Remove as Montanhas” (Amor de Índio – Beto Guedes e Ronaldo Bastos); “A Lição Sabemos De Cor,  Só Nos Resta Aprender (Sol de Primavera – Beto Guedes e Ronaldo Bastos); “Cada Um Carrega Dentro de Si a Capacidade de Ser Feliz” (Tocando em Frente – Almir Sater).
Na Celebração Final foi realizado um ato penitencial onde cada participante teve a oportunidade de confessar a Deus algo que fez ou tem feito que magoa e/ou ofende a pessoa que Deus colocou em sua vida para amar. Mostrando seu sincero arrependimento e desejo de buscar forças em Deus para não continuar cometendo este erro, essas ofensas foram queimadas ao som da música “Renova-me Senhor Jesus”.
Foi destacada também uma frase que Dietrich Bonhoeffer escreveu a um amigo que estava casando, a qual expressa o quanto à forma com que os casais se relacionam é decisiva para sustentar o amor: “(...) até aqui o amor sustentou a relação de vocês, daqui por diante será a relação de vocês que há de sustentar o amor (...)”.
Nas avaliações sentimos que os casais aproveitaram muito o encontro e querem mais. Fomos desafiados a dar continuidade a esses encontros de fortalecimento do casal e a promover encontros sobre o relacionamento entre pais e filhos.

Revda. Leane Rachel Kurtz de Almeida

[ voltar ]

 

Convite de Re-dedicação da Catedral da Santíssima Trindade

.


[ voltar ]

 

Jornada Ecumênica promove a diversidade e a convivência

No dia 7 de novembro, em Joinville/SC ocorreu a 1ª Jornada Ecumênica Sul, que reuniu cerca de 300 pessoas dos estados do Paraná, Santa Catarina e Rio Grande do Sul. O evento foi inspirado nas jornadas ecumênicas que ocorrem desde 1994, no Rio de Janeiro. A iniciativa é do Fórum Ecumênico Brasil (FE-Brasil), integrado por organizações ecumênicas e por igrejas, e realizado por organismos ecumênicos da Região Sul do Brasil. O tema da Jornada é Diversidade e convivência: sonho ecumênico e será abordado através dos seguintes eixos temáticos: Justiça, Paz e Direitos Humanos; Gênero; Meio Ambiente; Inclusão; Raça e Etnia; Juventude; Ecumenismo e Diversidade religiosa.
Os objetivos da Jornada: promover um encontro e troca de experiências das entidades e movimentos ecumênicos da região sul do Brasil; fortalecer as redes de solidariedade e cooperação entre igrejas, organizações e movimentos ecumênicos e propor e incentivar formas de articulação em redes do movimento ecumênico com os movimentos e organizações sociais da América Latina. Durante o evento, houve também uma Feira da Diversidade, em que foram apresentados mais de trinta trabalhos e projetos realizados entre os três estados da região Sul e também dois projetos de países da América Latina. A coordenação é de Centro de Atendimento ao Imigrante (CEAMIG); Centro Ecumênico de Capacitação e Assessoria (CECA); Instituto Teológico de Santa Catarina (ITESC) e Movimento Ecumênico de Curitiba (MOVEC). O evento tem apoio do Centro de Estudos Bíblicos (CEBI). (Fonte: www.cebi.org.br)

sem. Tatiane Reis

 
 
© 2008 Igreja Episcopal Anglicana do Brasil . Diocese Meridional . desenvolvido por k.design